DESMENTIDO

Câmara Municipal desmente o prefeito Assis Ramos ao afirmar que ele já prestou contas dos R$ 43 milhões da saúde

Assis Ramos (DEM), concedeu uma entrevista a um programa de televisão afiliada da Record News e disse que prestou contas não foi dos R$ 43 milhões da saúde, mas sim de R$ 70 milhões.

28/05/2020 16h02Atualizado há 2 meses
Por: Willamy Figueira
54.361
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

A Câmara Municipal de Imperatriz, se pronunciou na manhã  desta quinta-feira (28), contrária a afirmação do prefeito Assis Ramos (DEM), ao afirmar em um programa de TV, que já prestou contas não somente dos R$ 43 milhões de emenda obtida pelo Ministério da Saúde em 2019, mas segundo Assis, foram cerca de R$ 70 milhões.

O presidente do Legislativo Municipal, José Carlos Soares (PEN), nos concedeu uma entrevista hoje pela manhã e desmentiu o prefeito Assis Ramos, afirmando que além do quadrimestre da prestação de contas da saúde do ano passado, a prefeitura em quase quatro anos da gestão de Assis Ramos, encaminhou a prestação de contas anual dos exercícios financeiros, apenas do ano referente ao ano de 2017, ficando pendente os demais anos subsequentes.

O Jornal Imperatriz teve acesso a duas certidões feita pela Câmara Municipal de Imperatriz, que comprova categoricamente o que diz o presidente da Casa de Leis, José Carlos Soares e o presidente da Comissão Permanente de Saúde e Assistência Social, o vereador José Arimatéia Pereira de Castro, o Ditola, que cansou de protocolar junto a Secretaria Municipal de Saúde (SEMUS), solicitações de envio de informações a cerca dos gastos da saúde pública municipal, entre elas, a emenda encaminhada pelo Ministério da Saúde a Imperatriz.

Fake News

Circulou no início da tarde de hoje, quinta (28), um vídeo do ex-secretário de saúde, Alair Batista Firmiano, mostrando uma pilha de papeis que segundo ele no vídeo, afirmava ser documentos da prestação de contas do quadrimestre do ano de 2019, mas segundo um outro vídeo gravado pelo presidente da Câmara José Carlos Soares, a Câmara e a própria Comissão Permanente de Saúde e Assistência Social, não receberam a documentação, pois dois servidores da prefeitura, afirmou que estava incompleta e que no dia seguinte encaminharia o restante do material para ser apreciado pela Casa de Leis, fato que foi negado o recebimento dos documentos.

Para o presidente da Câmara Municipal, o prefeito Assis Ramos está brincando com a cara dos imperatrizenses e a dos vereadores que tem como dever, fiscalizar o que o município gasta e dizer onde está aplicado o recurso.

"Eles disseram que no dia 28 de maio (hoje), iriam nos entregariam a prestação de contas, quando de repente eu me surpreendo aqui na Câmara depois do expediente um calhamaço de papeis horrível não sei quantos processos, dizendo que amanha entregariam o resto dos processos. Ora, nós queremos uma prestação de contas séria, aqui ninguém está brincando não, nós estamos é vigilante ao dinheiro público que sumiu" - disse o presidente José Carlos.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Imperatriz - MA
Atualizado às 04h13
21°
Poucas nuvens Máxima: 36° - Mínima: 20°
21°

Sensação

13.2 km/h

Vento

54.7%

Umidade

Fonte: Climatempo
Blogs e colunas
Banner sessão política
Últimas notícias
Mais lidas