Destaque VOTAÇÃO EM PLENÁRIO

Câmara Municipal decide em votação o não afastamentos dos vereadores Bebé Taxista, Zesiel Ribeiro e Pimentel

Submetido a votação "urgente" no Plenário nesta quarta-feira (28), o Legislativo Municipal decidiu pelo não afastamento dos vereadores, após a Justiça determinar que os vereadores fossem afastado no dia 13 de julho.

28/07/2021 13h12 Atualizada há 2 meses
18.851
Por: Willamy Figueira
Veradores Bebé Taxista, Pimentel e Zesiel permanecerão em seus cargos, decidiram os vereadores em votação (Foto: Divulgação/Câmara Municipal)
Veradores Bebé Taxista, Pimentel e Zesiel permanecerão em seus cargos, decidiram os vereadores em votação (Foto: Divulgação/Câmara Municipal)

A Câmara Municipal de Imperatriz, acaba de encerrar nesta quarta-feira (28), a sessão de urgência que colocou em pauta a votação da permanência ou o afastamento dos vereadores - REVEJA AQUI - Pimentel (Dem), Zesiel Ribeiro (Psdb) e Bebé Taxista (Avante), em seus cargos após a Justiça determinar o afastamento dos três vereadores.

Por 17 votos à 1, os vereadores decidiram a permanência dos três vereadores em seu cargo, depois que a juíza Ana Lucrécia Bezerra Sodré, titular de 2ª Vara da Fazenda Pública, determinou o afastamento dos mesmos dos seus cargos no dia 13 de julho.

O único vereador que votou a favor que os vereadores fossem afastados de seus cargos, foi o vereador Ricardo Seidel (Psd) e os demais votaram contra o afastamento.

Veja como foi a votação

  • Terezinha Soares (Republicanos) - Votou Contra o afastamento
  • Adhemar Freitas Jr (Solidariedade) - Votou Contra o afastamento
  • Ricardo Seidel (Psd) - Votou à Favor do afastamento
  • Flamarion Amaral (PCdoB) - Votou Contra o afastamento
  • Alex Silva (PL) - Votou Contra o afastamento
  • Aurélio (Pt) - Votou Contra o afastamento
  • Rubinho (Ptb) - Votou Contra o afastamento
  • Rogério Avelino (Dem) - Votou Contra o afastamento
  • Cláudia Batista (Ptb) - Votou Contra o afastamento
  • Carlos Hermes (PCdoB) - Votou Contra o afastamento
  • Fábio Hernandez (Pp) - Votou Contra o afastamento
  • Renê Sousa (Ptb) - Votou Contra o afastamento
  • João Silva (Mdb) - Votou Contra o afastamento
  • Berson do Posto Buriti (Solidariedade) - Votou Contra o afastamento
  • Chiquim da Diferro (Dem) - Votou Contra o afastamento
  • Jhony Pan (PL) - Votou Contra o afastamento
  • Manchinha (Psb) - Votou Contra o afastamento

Para fundamentar e colocar em votação no Plenário o afastamento dos parlamentares, o Legislativo cita o artigo 5º da Constituição, que estabelece que "ninguém será considerado culpado até transitado e julgado da sentença penal condenatória".

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.