Destaque VACINAÇÃO COVID-19

Prefeitura de Imperatriz decide manter vacinação de adolescentes contra à Covid-19

Sobre críticas, o Ministério da Saúde recomendou nesta quinta-feira (16), a suspensão desse público alvo por falta de benefícios na vacinação de 12 à 17 anos.

17/09/2021 16h22
21.185
Por: Willamy Figueira
Foto: Divulgação/Willamy Figueira
Foto: Divulgação/Willamy Figueira

A Prefeitura Municipal de Imperatriz, informou nesta quinta-feira (16), que manterá a vacinação contra a Covid-19 de adolescentes com idades entre 12 à 17 anos com a vacina da Phizer/Biontech ao qual a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), recomendou agosto deste ano.

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde (Semus), a decisão está seguindo as diretrizes repassadas pela Secretaria de Estado de Saúde (Ses) e que aguarda uma decisão mais precisa da Anvisa, enquanto isso manterá o calendário de vacinação dos adolescentes.

A polêmica sobre a vacinação de adolescentes surgiu após o Ministério da Saúde atender a recomendação da Organização Mundial da Saúde (Oms), em afirmar que não é o momento de vacinar esse público.

Os Estados e Municípios já vacinaram mais de 3 milhões de adolescentes e o motivo do Ministério da Saúde questionar a vacinação é que a decisão foi tomada devido ao fato de a maioria dos adolescentes sem comorbidades acometidos pela covid-19 apresentarem evolução benigna da doença.

A decisão do Ministério da Saúde recebeu diversas críticas por órgãos de saúde e que só a Anvisa poderá decidir se a recomendação do Ministério da Saúde terá efeito suspensório ou não.

Veja a nota da prefeitura 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.